domingo, 8 de fevereiro de 2009

SOU MULHER GUERREIRA...




SE TENTAR ME PARAR...
EU CORRO...
SE TENTAR ME CALAR
EU CANTAREI AINDA MAIS...
SE TENTAR ME MATAR
EU VIVO COM MAIS INTENSIDADE...
SE TENTAR ME DERRUBAR ,
EU ME LEVANTO, MAIS DETERMINADA...
SE ME APEDREJAR,
EU CONSTRUO MEU CASTELO...
SE ME HUMILHAR,
O MEU DEUS ME EXALTARÁ...
SE TENTAR ME PODAR,
EU CRESÇO COM MAIS FORÇA AINDA...
E SE TENTAR ME DESTRUIR ,
AÍ ENTÃO EU VOAREI,
ALTO MAIS ALTO...
ONDE SÓ AS ÁGUIAS VOAM...
ONDE VOCÊ NÃO POSSA ME ALCANÇAR..."

AFINAL DE CONTAS:
EU SOU MULHER GUERREIRA!!!!!

5 comentários:

Luciana disse...

Que lindo o seu post,eu tbm sou assim,uma mulher guerreira!
Gostei daqui!!!!

George Arribas disse...

Minha poetisa querida !
O atrevimento me fez escrever algumas linhas pra você...
O que caracteriza o espírito de um verdadeiro guerreiro é estar cheio de coragem para o momento da luta e de doçura para os momentos da vida; sem antagonismos eles se completam nesse maravilhoso cenário da existência.
Um beijo muito carinhoso nessa guerreira linda, 'valente' e doce.
Parabens por esse e outros poemas - lindos !
George Arribas

Carla Fabiane disse...

seja bem vnda LUCIANA!
volte sempre, mulher guerreira!
bjs

Carla Fabiane disse...

gratidão poeta!
volte sempre!
bjs

Joiiice disse...

Adorei! Me identifiquei com seus pensamentos vizinha!
Sucesso!